segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Resumo crítico do primeiro capítulo do Manual de Textos Acadêmicos e Científicos de Ada Brasileiro

O primeiro capítulo do Manual de Produção de Textos Acadêmicos e Científicos, da autora Ada Magaly Matias Brasileiro, é uma síntese bem apurada sobre o que ela denomina de, e intitula o capítulo, as convenções do mundo acadêmico. Ela inicia tal síntese mostrando o que deve ser feito na elaboração de pesquisas acadêmicas e, como não poderia deixar de ser, por questões contemporâneas, na elaboração de pesquisas eletrônicas. Traz algumas definições sobre o que vem a ser pesquisa, citando a visão de alguns autores a respeito do assunto, e elenca alguns critérios de seleção das fontes de pesquisa tradicionais e também das modernas fontes eletrônicas. Aponta alguns sites confiáveis e formas de realizar pesquisas eletrônicas e dá dicas importantes, no que se referem à filtragem para pesquisas avançadas, no quadro 1, onde ela traz expressões booleanas para busca na internet. Continua o capítulo pontuando questões importantes quanto à linguagem acadêmico-científica e as qualidades que um texto desse porte deve ter; como objetividade, uso da norma culta, precisão e clareza, coesão e coerência, imparcialidade, e elenca num outro quadro as expressões latinas que são usadas no texto acadêmico-científico e imediatamente as terminologias definidas pela ABNT. Logo após essa etapa, que sintetiza os pontos mais cobrados na elaboração textual desses tipos de trabalho, a autora traz uma breve explicação sobre cada um dos mais importantes tipos de eventos promovidos pelo meio acadêmico-científico (assembleia, briefing, palestra, colóquio, congresso etc.) para elucidar os objetivos de cada um desses encontros. Na sequência, ela destaca, esclarecendo algumas dúvidas, os títulos, cursos e distinções acadêmicas – trazendo até uma interessante curiosidade histórica sobre o título Doutor. Encerra o capítulo apresentando a importância das normas da ABNT para a normalização do trabalho científico utilizado no meio acadêmico brasileiro, e apresenta o Método Vancouver, que sistematiza a apresentação e documentação de textos científicos em cursos da área de saúde para publicação em veículos internacionais. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário